domingo, janeiro 20, 2008

SLOWHANDS, DEAF DOGS.....E A CHUVA.

 



Em quase um ano e meio de do projeto "Blues na Banca" já passamos vários sufocos devido às chuvas, mas ontem provavelmente foi o pior deles. Sabíamos do risco de pancadas e tal, mas não acreditávamos que seria com tanta intensidade. Muito vento, chuva forte, bancos voando, tendas pensando que poderiam virar asa-delta e até a Severyna(nossa querida bateria) querendo dar um passeio no Aterro do Flamengo, a Denise chorando...foi complicado, mas somos blueseiros e não desistimos nunca!
A chuva parou, e teimosos que somos montamos tudo novamente, e vinte minutos depois novo temporal desabou. Mas que coisa chata! Será possível que não podemos tocar o Blues em paz?
Bem...o que "eles" não contavam é que " ...a vida passa mas o Blues só tem graça lá na Banca do Blues...", palavras do nosso amigo Elvio Turczineck, que foram confirmadas com a chegada de Rafael Rocha e Felipe Wiermann, da Slowhands e ainda Leonardo Cardote, gaitista da Deaf Dogs, que apesar da chuva que ainda caia se reuniram embaixo da marquise do Ed. Brasília e começaram a levar o som para cerca de vinte pessoas que estavam lá.
Após essa demonstração de garra e amor à música o que mais poderíamos fazer? Montamos tudo novamente e começamos pra valer.
A Slowhands complementou seu show, devidamente amplificados e mostrou porque nós apoiamos o projeto deles, que presta um belo tributo a Eric Clapton. Felipe e Rafael deixaram todos impressionados com a perfeição com que interpretam os clássicos do Deus da Guitarra e para completar ainda contaram com uma canja super especial de Valter Blues, nosso grande vocalista.
Encerrando a noite a DEAF DOGS, mostrou seu som divertido, com letras bem humoradas, bem no estilo carioca de ser. Ainda chovia fraquinho, mas a essa altura já não importava , a galera já dançava e curtia mais uma bela noite na Banca do Blues.
Não foi fácil, mas noites como esta é que fazem a gente levar adiante o projeto, pois nas adversidades é que encontramos os verdadeiros amigos, e ontem na Banca do Blues vários deles apareceram.
Valeu amigos, nos vemos no próximo sábado com a Riff Raff e Yellow Plane.
Abraços!


DEAF DOGS
Posted by Picasa

2 comentários:

Aline Catanho disse...

Salve, Slowhands!
Não há nada melhor do que Slowhands, com ou sem chuva! Parabéns, Phil e Rafa, pelo entrosamento, talento e beleza na arte que vocês fazem!
Mô, te amo!
Rafa, tu é o cara!
Kátia, "tamu junto"!
Paulo e Denise, valeu pelo apoio!

Beijoca,

Aline

Bernardo disse...

Grande Paulão, Grande Denize, grandes, vocês que apoiam esse projeto, que assistem e aplaudem.

Grandes, vocês que ao invés de somente reclamar que não há espaços para o Blues de qualidade, se juntam e fazem acontecer... grandes mesmo..
Jolt e Claudio, que botaram a cara para que se ouvisse o Blues sincero de raiz e também o som de improviso.

Deus curte o som, mas Neptuno quer o Blues rolando debaixo d'água! Ô Deus, ajude o Blues!
rsrsrsrsrsrs

Toda a vibe do mundo para vocês, muitas saudades, espero poder assistir aos shows em breve

Um grande abraço do sempre fã da Banca
-Bernardo Capanga